Grutas e Cavernas

As Grutas e cavernas da região de Bonito mostram uma beleza rara porque estão na região de maior concentração de calcário do Brasil, na Serra da Bodoquena. O calcário é a substância denominada de carbonato de cálcio, utilizada na fabricação do cimento e de outros produtos.

Sendo o subsolo rico deste material, há muitas grutas e cavernas com rochas calcárias, apresentando muitas formações, os chamados espeleotemas: estalagtites, estalagnites, elegtites e cones. Além de tudo isso, a maioria das grutas são alagadas, têm no seu interior lagos com águas transparentes, variando de cores entre o azul e verde esmeralda pelo efeito do carbonato de cálcio diluído nas águas. Esse conjunto mágico faz com que as Grutas, Cavernas, Rios e Cachoeiras de Bonito sejam de uma beleza indescritível, somente ao vivo para crer. A imagem a seguir é da caverna do Abismo Anhumas com incidência de raio de Sol refletindo na água do lago, onde se praticam a flutuação e o mergulho autônomo (scuba dive).

Há mais de 500 grutas e cavernas catalogadas na Serra da Bodoquena, mas somente algumas foram abertas ao turismo pelo IBAMA/CECAV porque é necessário cumprir a legislação e nem todos os proprietários de fazendas têm interesse no turismo ecológico.

Os projetos de planos de manejo exigidos por lei são caros e burocráticos e também algumas grutas não são seguras para a visita. Veja mais abaixo um pequeno descritivo de cada caverna e respectivos preços, mas é sempre bom solicitar os valores atualizados de todos os passeios, pois ás vezes demora alguns dias para atualizarmos o website. 

Duas cavernas devem ser reabertas ao turismo de “mergulho autônomo” em breve, a Gruta do Mimoso para quem tem credencial Cave Diver e a Caverna Ceita Corê com credencial Into to Cave. Logo abaixo vemos as Grutas do Lago Azul, São Mateus e São Miguel, que são apenas para contemplação.

Grutas e Cavernas
Grutas e Cavernas
Grutas e Cavernas

Gruta do Lago Azul

Bemgru05 cultural tombado pelo Patrimônio Histórico por decreto, gruta ou caverna alagada de formação calcária – visitação das 7:00 ás 14:00 h em trilha sinuosa com 293 degraus de descida e mais 293 degraus de subida, todos irregulares e escorregadios esculpidos na rocha.

OBS: passeio é proibido para gestantes, pessoas com problemas cardíacos e deficientes físicos; proibido para menores de 6 anos de idade; obrigatório o uso de calçado com solado de borracha, capacete – tênis ou sandália do tipo “papete” (amarradas aos pés nos calcanhares);

Passeio “não” recomendado pelo HI Hostel em alta temporada; os turistas não têm acesso ao lago que só pode ser contemplado a 20 metros de distância; única atração de Bonito que oferece certa insegurança.

Preço por pessoa R$ 50,00 em períodos de “baixa temporada” e R$ 65,00 nos períodos de “alta temporada”.

Gruta de São Mateus

Ao lado, uma foto de uma formação, um espeleotema da maravilhosa Gruta de São Mateus que oferece um passeio diferente, uma trilha de 150 metros no interior da caverna com profundidade de 90 metros e visita ao  Museu Cultural dos índios Kadiwéu.

gru06

 

Para chegar ao Museu o visitante passa por uma trilha em meio à natureza e chega a uma altitude de 150 metros, no mirante, onde tem visual de 360°.

 

Preço por pessoa = R$ 50,00 – a Gruta e o museu ficam próximos da cidade – apenas 6 Km, o visitante que gosta de atividade física pode alugar uma bike no Hostel ou caminhar.

Grutas de São Miguel

Localizada no Parque Ecológico Vale Anhumas, com a emocionante caminhada sob uma trilha suspensa de 180m na altura da copa das árvores até chegar à entrada de uma das cavidades mais antigas deste planeta.

passeio07

Uma gruta com diversas formações calcárias onde a natureza intocável mostra seus corais e ninhos de calcário. Receptivo com mirante e bar.

Distância: 18 Km. Duração: Meio Período.

Preço: R$ 50,00 para adultos e R$ 40,00 para crianças